Dicas certeiras para você aprender (de vez!) a passar batom vermelho

Matérias Oficiais(+10% Clicks) Amélia 15/12/2020 Relatar Quero comentar

Batom vermelho é lindo e vai bem em todo mundo. Mas, às vezes, pode rolar aquele insegurança na hora de passar, aquele medo de borrar, aquela preguiça de retocar... A verdade é que dá trabalho fazer um bocão vermelho —até para as maquiadoras profissionais.

Leila Turgante, beauty artist da Group Art Management, que já maquiou a atriz americana Jessica Chastain para uma capa de revista (e, claro, passou batom vermelho na artista) concorda: "Sim, dá trabalho manter a boca vermelha.

 Por exemplo: você vai comer, ela descasca no meio e fica só aquele contorno? Fica horrível! Se você tem mania de mexer nos lábios ou rói as unhas (pare com isso agora!), ele vai saindo. Você tem que se 'comportar' e retocar para manter bonito o dia inteiro".

Leila lembra que os lábios têm que estar hidratados, pois, além de evitar o ressecamento, a hidratação ajuda na aplicação do batom vermelho. Parece muito esforço, mas não desista, porque vale a pena: "Batom vermelho é lindo, realça a beleza. 

É uma maquiagem que, se você está só com ela, não precisa mais de quase nada, nem de máscara de cílios. Só um corretivo e uma bochechinha rosa, mais nada. Ele, por si só, já segura toda a beleza", diz.

O melhor jeito de aplicar A aplicação do vermelho exige uma dedicação especial. "Tem uma questão do contorno, sim", avisa Leila. "Você tem que passar o batom desenhadinho para ficar bonito. 

Quando você passa um batom nude, não aparece se está meio torto, meio de qualquer jeito. Mas, o batom vermelho vai gritar se estiver torto. Tem que passar com esmero", diz a maquiadora.

Segundo Leila, o truque de fazer o contorno dos lábios com o lápis antes de passar o batom é recomendável porque ajuda a não errar. E, como o lápis é sequinho, segura o batom para não vazar para fora dos lábios. "Você pode passar com o batom em formato de bala direto. 

É só desenhar o contorno com um lápis ou com um pincel, que pode ser bem achatadinho, para fazer o contorno todo da boca", ensina. E, se o produto tiver uma textura muito cremosa, é preciso tirar o excesso, dando o clássico beijinho no guardanapo, para não borrar. 

A maquiadora lembra também que os batons líquidos podem ser boas opções para quem está começando: "O matte, por exemplo, é mais fácil, porque você passa com o próprio aplicador, ele seca e fica lá quietinho". 

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar