Homem com ‘barriga de cerveja’ descobre tumor de 34 kg

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 28/05/2021 Relatar Quero comentar

A cerveja e a cachaça são os piores inimigos do homem. Mas o homem que foge dos seus inimigos é um covarde. Resumo. 26,4% da população adulta afirmaram ter bebido semanalmente em 2019, contra 23,9% em 2013, de acordo com a Pesquisa Nacional de Saúde.

Consumo de bebida alcóolica é maior em Salvador, na Bahia. Em seguida, aparecem Porto Alegre (RS) (39,4%), Belo Horizonte (MG) e Vitória (ES), com 35,8% ambas, e Campo Grande (MS), com 33,4%.

É muito comum que homens que têm o costume de beber adquiram uma ‘barriga de cerveja‘, que costuma ser protuberante, mesmo que a pessoa não esteja acima do peso.

Foi o que Hector Hernandez, 47 anos, acreditava que estava acontecendo a ele. Sua barriga não parava de crescer e ele descobriu um tumor de 34 kg.

Hector era um homem que não costumava se preocupar muito com a saúde, mas começou a perceber que sua barriga estava crescendo de maneira não natural. 

Certo dia, Hector estava passeando por lojas na Califórnia quando foi abordado por um homem que o aconselhou a parar de beber, o homem disse que a barriga dele estava parecendo com a de homens que costumam ingerir muita bebida alcoólica.

Hector ficou encucado com a abordagem já que só costumava beber socialmente.

Na medida que seu abdômen aumentava, seu corpo ficava cada vez mais magro. Hector então decidiu procurar um médico que apenas lhe disse que as pessoas tinham biotipos diferentes e cada um engorda de uma forma.

O médico chegou a essa conclusão sem examiná-la ou passar algum exame. Hector então pensou que não poderia ser nada sério.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário