VAZOU ! - Conheça alguns escândalos que o Discovery Channel tentou esconder

wrsi 03/02/2021 Relatar Quero comentar

O Discovery Channel deveria ser sobre descobertas, não é mesmo? Mas atualmente o que estamos descobrindo são novos escândalos envolvendo o elenco e a equipe dos programas do canal.

A Discovery Communications, proprietária do Discovery Channel, do TLC e do Animal Planet, está habituada à controvérsia, seja enganando o público ou algo muito pior. A rede tem reality shows crivados de criminosos condenados – alguns dos quais são até pedófilos. Embora essas notícias geralmente levem ao cancelamento de um programa, é impossível não se perguntar por que o Discovery Channel parece ser um ímã para esse tipo de comportamento.

Dê uma olhada nos maiores escândalos da história do Discovery Channel.

Demissão de Bear Grylls

Não há muito que Bear Grylls não faça (ele até bebeu sua própria urina para sobreviver). Porém, o canal americano resolveu encerrar seu vínculo depois que o britânico se negou a participar de dois novos projetos além de “À prova de tudo” com os quais, aparentemente, havia se comprometido.

Em vez de deixá-lo ficar apenas com o programa que o tornou famoso, eles decidiram demiti-lo por indisciplina. “À prova de tudo” ficou no ar por seis temporadas graças às aventuras nas quais Bear Grylls era exposto com o objetivo de mostrar técnicas de sobrevivência em um ambiente hostil.

Família do Alasca

“A Grande Família do Alasca” tem sido objeto de muita controvérsia porque as pessoas não têm certeza de quanto do programa é realmente verdade. O reality tem como ideia central mostrar o cotidiano de uma família americana que vive há mais de 30 anos em locais isolados do estado do Alasca. Acontece que os participantes nem sequer são do Alasca e, de acordo com uma pesquisa feita pelo noticiário local, o reality foi filmado bem perto do Centro da cidade.

“American Guns”

A Discovery mostrou a obsessão dos Estados Unidos por armas de fogo em seu popular programa “American Guns”. O reality show girava em torno da família Wyatt. Eles têm um estabelecimento, localizado nos arredores de Denver, onde vendem e fabricam armas de todos os tipos, desde rifles de caça até canhões. Nenhum equipamento sai da loja sem antes ser testado.

O programa foi recebido com muita controvérsia pelo público. Seu último episódio foi transmitido em 2012. Acreditava-se que tragédias relacionadas a armas, como o tiroteio na escola primária de Sandy Hook, motivaram o cancelamento do reality.

Sem licença

Principal astro de “American Guns”, Richard Wyatt não estava autorizado a vender armas durante a gravação do programa. Em 2009, dois anos antes, Wyatt perdeu sua Licença Federal de Armas de Fogo por violar a lei (nunca ficou esclarecido qual lei ele desrespeitou). Mesmo assim, ele continuou vendendo armas em sua loja através de uma licença que pertencia a outra pessoa.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário